Serviço de Auditoria Externa

Auditoria Externa

«Atividade independente, de avaliação objetiva e de consultoria, destinada a acrescentar valor e a melhorar as operações de uma organização. Assiste a organização na consecução dos seus objetivos, através de uma abordagem sistemática e disciplinada, na avaliação da eficácia dos processos de gestão de risco, controlo e governação.» IIA (The Institute of Internal Auditors).

Serviço de Auditoria Interna

O Serviço existe de acordo com o Decreto-lei n.º 244/2012, de 09 de Novembro, onde é definido que a Auditoria Interna passa a integrar a estrutura orgânica dos Hospitais EPE.

Atribuições

Órgão de apoio à gestão que reporta, funcionalmente, ao Conselho de Administração e, hierarquicamente, ao Presidente do Conselho de Administração;

  • Desenvolve a sua actividade de uma forma independente, com vista a acrescentar valor e melhorar as operações do Hospital Prof. Doutor Fernando da Fonseca, EPE;
  • Avalia os processos de controlo interno e de gestão de riscos, nos domínios contabilístico, financeiro, operacional, informático e de recursos humanos, contribuindo para o seu aperfeiçoamento contínuo.

Objetivos

  • Fornecer ao Conselho de Administração análises e recomendações sobre as atividades revistas para melhoria do funcionamento dos Serviços;
  • Receber comunicações de irregularidades sobre a organização e funcionamento do Hospital EPE, apresentadas pelos demais órgãos estatutários, trabalhadores, colaboradores, utentes e cidadãos em geral;
  • Elaborar o Plano Anual de Auditoria Interna;
  • Elaborar, anualmente, um relatório sobre a atividade desenvolvida, em que se refiram os controlos efetuados, as anomalias detetadas e as medidas corretivas a adotar.

Normas de Conduta

A Auditoria Interna pauta a sua atuação pelos princípios de ética usualmente aceites, baseados na integridade, objetividade, confidencialidade e competência.
O Serviço de Auditoria Interna respeita as Normas para a Prática Profissional de Auditoria Internas do IIA – The Institute of Internal Auditors.

Legislação Aplicável

A atividade da função auditoria interna rege-se pelas disposições do seu Regulamento Interno, pelas decisões e deliberações do Conselho de Administração e demais legislação aplicável.
Aplica-se também o Decreto-lei n.º 233/2005, de 29 de dezembro, republicado pelo Decreto-Lei n.º 244/2012, de 9 de novembro, o regime jurídico do Setor Empresarial do Estado, o Código das Sociedades Comerciais e as Normas de auditoria interna geralmente aceites.

Contacto

lucia.lopes@hff.min-saude.pt