Dê sangue: um gesto pequeno que faz toda a diferença

22 Novembro, 2022

Os/As colaboradores/as do Hospital Professor Doutor Fernando Fonseca (HFF) são os primeiros a dar o exemplo no que diz respeito à doação de sangue. A crescente adesão a esta causa, para além de ser um reflexo da consciência sobre a sua importância, é também a prova de que não há qualquer risco de “partilhar” este bem tão precioso: o sangue.

Sérgio Caneira é um exemplo de como é fácil ser um herói na vida de alguém. Fisioterapeuta coordenador e técnico superior diretor do HFF, costuma contribuir para esta causa pelo menos duas vezes por ano: “A pergunta não é ‘porque devo dar sangue?’, mas sim ‘porque não dar sangue?’. É uma dávida, não custa nem prejudica”.

E acrescenta: “Não sabemos quando é que a nossa própria vida ou a de alguém que amamos pode estar dependente de uma dádiva de sangue, por isso, cada um de nós deve exercer esse ato solidário e de civismo, desde que possua as condições de saúde necessárias.”

Junte-se a esta causa! Faça a sua dádiva!