“Os Anjos da Mita” – a história de uma utente do Hospital de Dia Polivalente do HFF

31 Dezembro, 2021

Mita Costa tem 57 anos, sofre de Artrite Reumatoide e é seguida no Hospital Professor Doutor Fernando Fonseca (HFF). Foi em 2012 que foi diagnosticada com esta doença que faz com que as articulações – geralmente incluindo as das mãos e pés – fiquem inflamadas, resultando em inchaço, dor e, geralmente, destruição das articulações.

Já há muitos anos que sofria com sintomas e foi a equipa clínica do HFF que conseguiu diagnosticar a doença. Desde 2017 que faz um tratamento inovador no Hospital de Dia Polivalente (HDP) do HFF e os resultados não podiam ser melhores: passou a ter a sintomatologia mais controlada e uma melhor qualidade de vida.

Era Auxiliar de Acão Médica e teve de se reformar por invalidez. O artesanato sempre foi uma paixão de Mita e quando se reformou não quis ficar parada, passando também a dedicar-se à venda das peças únicas a que dedica o seu tempo e entrega.

Mita diz que não tem palavras para descrever e agradecer o carinho e amizade de todos os profissionais HDP do HFF e por esse motivo chama-os de “os meus Anjos”. “São do mais queridos, do mais humanos, muito atenciosos, trataram-me com muito carinho. Às vezes venho com o estado de espírito muito em baixo e há sempre uma palavra amiga, um conforto que me leva daqui mais rica e mais forte. São mais uns amigos que aqui tenho, são como uma família para mim,” diz.

Por isso mesmo Mita frequentemente presenteia os profissionais de saúde do HDP com criações angelicais feitas por si, sejam eles decorações para árvores de Natal, bonecos, ou até pendentes para fios em formas de anjos. Pequenos grandes gestos que enchem os corações destes profissionais do HFF.